A importância da Reserva Extrativista de Jequiá da Praia

Compartihe

Por Carrol Barradas Gestora da Resex

A Reserva Extrativista Marinha Lagoa do Jequiá  (RESEX) é uma unidade de conservação (UC) federal localizada no sul da costa alagoana, compreendendo o município de Jequiá da Praia e uma pequena porção de Coruripe.  Sua criação, em 2001, foi reivindicada por atores locais, como a Colônia Z-13, tendo como objetivo principal assegurar o uso sustentável e a conservação dos recursos naturais renováveis, protegendo os meios de vida e a cultura da população extrativista local.

A RESEX possui uma área de 10.203,90 hectares abrangendo a famosa lagoa de Jequiá e seus manguezais adjacentes, rios e uma área marinha de 3 milhas náuticas que se estendem ao longo de uma costa repleta de falésias.

Existem 12 comunidades no entorno imediato da RESEX, sendo 10 no entorno da lagoa do Jequiá (Comunidades de Ponta de Pedras, Roçadinho, Ponta D’água, de Mutuca, Grito, Algodoeiro, Centro, Alagoinhas, França e Paturais) e duas na região costeira (Lagoa Azeda e Duas Barras). Segundo o Censo 2010 (IBGE, 2010), o município de Jequiá da Praia possui 12.029 habitantes, cerca de 3.000 famílias, das quais aproximadamente 2.000 são consideradas beneficiárias da RESEX. Estima-se que 76% dos moradores de Jequiá exerçam direta ou indiretamente alguma atividade pesqueira, de forma que a pesca artesanal se encontra na base da reprodução social e material da região.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *