Samyr Malta defende manutenção do valor para duodécimo da Câmara de Maceió

Compartihe

O vereador Samyr Malta (PTC) votou favorável à Lei Orçamentária Anual (LOA), durante sessão ordinária realizada nesta terça-feira (25). No entanto, o parlamentar se posicionou de forma contrária à emenda que foi proposta pelo relator da Comissão de Orçamentos, que prevê o aumento do duodécimo da Câmara de Maceió – apreciada e votada junto ao projeto de lei de autoria do Executivo. Durante o pronunciamento, o parlamentar explicou que lutou pelo aumento no número de vereadores na Câmara de Maceió, mas que sempre foi contrário ao aumento de recursos destinados ao legislativo municipal. “Sempre defendi que, independente do aumento no número de vereadores, o orçamento deveria ser manter igual. Estamos em uma nova legislatura, mas o meu discurso é o mesmo: a representatividade aumenta, mas o dinheiro não”, declarou.

Ainda assim, o reajuste foi aprovado e o custeio da Casa Mário Guimarães aumentou em R$6 milhões. Ao todo, o duodécimo da Câmara ficou orçado em R$72 milhões, valor próximo ao exercício do ano de 2020, e o orçamento da capital alagoana ficou em R$2.567.202.297.00, 2,5% menor que no ano passado.Na ocasião, Samyr Malta também destacou a importância do orçamento para a cidade. “Apesar da minha divergência política, sei que o orçamento precisa ser votado e sempre defendi que isso fosse feito o quanto antes, pois é extremamente importante para o desenvolvimento da nossa capital”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *