Primeiro de maio terá protestos em todo o Brasil contra o STF

Compartihe

O tradicional 1º de maio, Dia do Trabalha ou Dia do Trabalhador, que em momentos de pandemia está mais para o Dia do Sem Emprego, é normalmente marcado por ondas de protestos em todo o mundo contra a falta de trabalho, contra o capitalismo, contra o comunismo e assim por diante. Aqui no Brasil, vem surgindo nas redes sociais um movimento de cidadãos que pedem um grande protesto nacional para o próximo dia primeiro de maio. No dia do trabalhador, a principal pauta é a atuação dos membros do Supremo Tribunal Federal. A relação da sociedade com a suprema corte piorou consideravelmente após a anulação dos processos do ex-presidente Lula e em tantos outros processos, que transformaram a corte num partido político.

As convocações feitas até agora nas redes sociais falam em “mega carreatas” nas grandes cidades brasileiras. No Rio de Janeiro, por exemplo, a previsão é de que os manifestantes reúnam-se no bairro de Guadalupe, na Zona Norte, onde darão a partida rumo ao bairro de Copacabana, na Zona Sul, colhendo adesões de outros motoristas pelos bairros que passarem. Haverá ainda uma segunda concentração no Sambódromo da Avenida Marquês de Sapucaí, no centro da capital.

Também há convocações de protestos para Brasília e para a cidade de São Paulo. Na capital paulista também haverá protestos contra o lockdown promovido pelo Governo do Estado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *