Internautas defendem prefeito do Passo de Camaragibe contra matéria publicada em site político que o acusa de traição e escândalos

Compartihe

Está dando o que falar uma matéria publicada no Instagram do site Politica Alagoana intitulada ´´Com menos de quatro meses como prefeito, Ellisson Santos trai aliados políticos e se envolve em escândalos em Passo de Camaragibe´´. A grande maioria dos comentários, que se todos positivos ao prefeito, são de pessoas da própria cidade e certamente, do grupo político do atual gestor. Confira a matéria:


“As últimas eleições municipais em Passo de Camaragibe foram marcadas por uma das maiores transferências de votos dos últimos tempos. A ex-prefeita Vânia Câmara, com uma popularidade gigante na cidade após ter governado por três mandatos, conseguiu eleger o candidato Elisson Santos (PTB), um nome novo na política e que venceu com uma boa margem graças à Vânia.
Com a força da ex-prefeita, Ellisson, que até então nunca tinha participado de nenhuma disputa política ou era envolvido no meio, derrotou o segundo colocado por quase 600 votos de diferença. Mas em menos de quatro meses à frente da prefeitura, Ellisson já se envolve em diversos escândalos, e o que se comenta na cidade é que sua “máscara caiu”.
Na época, Ellisson teve a candidatura lançada como “Ellisson da Vânia”, slogan que foi a marca de sua campanha. Com um histórico de líder na igreja Assembleia de Deus do município, ele se mostrava um homem pacífico, conciliador e que iria fazer uma gestão para o povo. Parece que o poder subiu à cabeça do prefeito, e ele, que prometia fazer uma gestão totalmente benéfica, vem tomando o rumo contrário, o que está causando o descontentamento do seu grupo e da população.
Com a prefeitura nas mãos, Ellisson mudou “da água pro vinho”. O que se comenta nos bastidores é que ele se mostrou um gestor explosivo, sem capacidade técnica e política de ocupar o posto que ocupa. Segundo fontes exclusivas, o prefeito grita e desrespeita seus funcionários e sua equipe em diversos momentos, além de ter um comportamento que beira o ditatorial – persegue quem se opõe a seu pensamento.
Em reuniões técnicas, o prefeito parece ter um comportamento egocêntrico, não permitindo que sua equipe opine em pautas de relevância, além de falar mal da ex-prefeita Vânia, que foi a principal responsável por sua vitória´´.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *