Etelvita Teixeira desponta como referência na assistência social para uma vaga na Câmara Municipal de Cajueiro

Compartihe

Em novembro, nas eleições municipais, os nomes de mulheres estão cada vez mais se tornando um referencial de cidadania política. Em Cajueiro, município as margens do Rio Paraíba, um nome vem ganhando repercussão pelos anos dedicados a assistência social. Existem pessoas que são que nem aqueles voluntários da associação humanitária Médicos sem fronteiras, uns abnegados a causa humana. Etelvita Teixeira Costa, ou simplesmente Etelvita Teixeira, que já foi por duas vezes Secretaria de Assistência Social, num total de 7 anos; um ano como Secretaria de Saúde; dois anos como Coordenadora da Mulher, além de ter sido Presidente do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente de Cajueiro, é uma dessas pessoas.

Em 2015, por exemplo, ela estava presente, quando a prefeita Lucila Toledo realizou o lançamento do projeto Cuidando da Nossa Gente, que tinha por objetivo atender a muitas demandas da população dando uma atenção maior a quem mais precisava. Cerca de 210 cestas básicas foram entregues a famílias de baixa renda que muitas vezes nem uma cesta básica tem em casa para partilhar com os seus entes queridos. A iniciativa da gestora municipal atendeu muitas pessoas por um bom período e mês a mês elas foram assistidas com o projeto.

Como suplente nas eleições de 2016, e tentando novamente uma vaga pelo partido Podemos, Etelvita Teixeira é enfática: “Cajueiro precisa de uma gestão voltada para o povo, com uma equipe que busque solucionar os problemas do dia a dia da população mais carente. Temos de criar condições e trabalhar em conjunto com governos federal e estadual. Com isso podemos criar uma nova realidade, gerar empregos com a busca de incentivo para o pequeno empresário se estabelecer no município”.

Fazendo parte da chapa Lucila Toledo e Júnior Melo, que vem apresentando ótimos números em pesquisas informais para a disputa da prefeitura, Etelvita afirma que a dupla tem o perfil de trabalhar e buscar meios junto aos órgãos competentes para colocar Cajueiro de volta ao desenvolvimento. “É só comparar como ficou a cidade na gestão de Lucila com ótimos índices na saúde, educação e segurança e com a realidade de hoje. É preciso mudar”.

Mas é nos planos, caso seja eleita, que Etelvita diz para o que veio: fiscalizar os recursos públicos e ajudar a gestão na melhor forma de administração envolvendo o povo diretamente interessado nas questões locais, renovar com trabalho e respeito aos anseios da população, resgatar a autoestima das mulheres e mães de Cajueiro trazendo geração de emprego e renda aproveitando a demanda local. Mas o mais importante para ela é resgatar a vontade das famílias voltarem a Cajueiro e se sentirem seguras e orgulhosas da terra natal.

Para entrar em contato com a pré-candidata: no Facebook Etelvita Costa e no Instagram @tel_costa