São Luiz do Quitunde e Matriz do Camaragibe na mira de vários grupos políticos para 2020

Compartihe

Faltando poucos meses para as eleições municipais de 2020, articulações políticas começam a movimentar dois importantes municípios da região Norte. Em São Luiz do Quitunde um grupo de oposição a atual gestão da prefeita Fernanda Cavalcanti vem surgindo na cidade, comandado pelo ex-prefeito de Paripueira, Abrahão Moura. Já em Matriz de Camaragibe uma disputa interna vem desgastando bastante o grupo do ex-prefeito Marquinhos, já que Anderson Bolevard, atual prefeito está enfrentando forte oposição do jovem Octávio Henrique, filho de Marquinhos, pois ambos querem ser candidato a prefeito da cidade. Para complicar a situação, um terceiro elemento entrou em cena. O ex-prefeito de Matriz de Camaragibe, Cícero Cavalcante, afirmou que a sua candidatura ao posto de prefeito na cidade nas eleições de 2020 é irreversível.

O grupo de oposição à prefeita Fernanda Cavalcanti começou a se unir para concorrer em 2020 no município de São Luiz do Quitunde. O grupo uniu o clã Cordeiro (rival histórico dos Cavalcanti na cidade) formado por João, Fátima, Fabrício e o vereador André Cordeiro e o clã Moura, comandado pelo ex-prefeito Abrahão Moura, sua esposa, Emanuella Moura, prefeita da Barra de Santo Antônio e a recém-eleita deputada estadual Cibele Moura, filha do casal. 

Júnior Pedro, que já foi vereador e prefeito, também marcou presença e é uma forte liderança na cidade.

O clã Moura, ao que tudo indica, quer mesmo desbancar Cícero Cavalcanti do domínio da cidade. A pergunta que fica no ar é: com tantos nomes envolvidos quem será o candidato majoritário: Abrahão Moura, André Cordeiro, Fátima Cordeiro, João Cordeiro ou até mesmo Júnior Pedro? O tempo e as conversas irão trazer a resposta, que vai depender muito da articulação de Abrahão Moura, que pode até voltar para Paripueira. Por outro lado os aliados dizem que Abrahão Moura não quer perder tempo para a disputa e para isso Júnior Pedro seria fundamental para Moura se consolidar como o verdadeiro Rei do Norte, desbancando Cícero Cavalcante.

Já a prefeita de São Luís do Quitunde, Fernanda Cavalcanti, afirmou que não se sente preocupada com a união do grupo oposicionista. “Vou dizer que essa junção que disseram que eles estão fazendo, isso aí não me preocupa não!. Até porque eu estou fazendo um bom trabalho, eu confio no trabalho que eu estou fazendo no município de São Luís do Quitunde”, frisou. A gestora disse que os apoios do pai e ex-prefeito Cícero Cavalcante e da irmã e deputada estadual Flávia Cavalcante são fundamentais para o trabalho em São Luís do Quitunde.

Em Matriz de Camaragibe uma disputa interna vem desgastando bastante o grupo do ex-prefeito Marquinhos: Anderson Bolevard x Octavio Henrique disputam o poder. Eles querem ser candidato a prefeito de Matriz de Camaragibe. Anderson Bolevard é o atual prefeito e foi colocado pelo ex-prefeito Marquinhos, que manda as cartas no governo. O atual gestor é sobrinho de Marquinhos e o substituiu na disputa em 2016. Mas o filho de Marquinhos, Octavio Henrique quer tomar o posto do primo e quer ser o candidato a prefeito do grupo.

O atual governo já vem sofrendo um grande desgaste na cidade. O prefeito Anderson Bolevard vem cumprindo os acordos com Marquinhos e não quer ser traído pelo primo. Mas o filho, Octavio Henrique acha que pode ser o candidato a prefeito e quer deixar Anderson Bolevard de lado. Quem ganha ainda mais com isso são os rivais, em especial Cícero Cavalcanti, que observa de camarote com seu grupo, que cresce a cada dia na cidade.

Cícero Cavalcante, que foi prefeito de Matriz, afirmou que a sua candidatura ao posto de prefeito na cidade nas eleições de 2020 é irreversível. As declarações foram dadas durante as comemorações do aniversário de 383 anos de Porto Calvo. Ele estava acompanhado das filhas, a deputada estadual Flávia Cavalcante e da prefeita de São Luís do Quitunde, Fernanda Cavalcanti. Ele afirmou que vem se organizando para retornar ao cargo que ocupou por duas oportunidades. Ele disse que conta com um grupo de cinco vereadores na cidade e uma base sólida para alavancar a futura candidatura no próximo ano.Área de anexos